Competição, que será realizada na Argentina, distribui quatro vagas para a FIBA Womens World Cup U19 2023

Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

A Seleção Brasileira Feminina viajou, neste sábado (11 de junho), para disputar a FIBA Womens AmerCup U18 2022, em Buenos Aires, capital da Argentina, de 13 a 18 de junho. A competição continental distribui quatro vagas para a FIBA Womens World Cup U19 2023.

Antes do embarque, a técnica Adrianinha Moisés definiu as 12 atletas que representam o Brasil no referido campeonato. A estreia brasileira será contra a anfitriã Argentina, na segunda-feira (13 de junho), às 20h30 (de Brasília), no ginásio Obras Sanitárias, em Buenos Aires. Depois, os compromissos do selecionado nacional na primeira fase são esses:

14 de junho (terça-feira): Brasil x Canadá, às 18h (de Brasília)
15 de junho (quarta-feira): Brasil x México, às 18h (de Brasília)

Pela forma de disputa da FIBA Womens AmeriCup U18 2022, na fase inicial as seleções foram divididas em dois grupos, com quatro integrantes em cada um deles. Estas nações jogam entre si, em turno único e dentro das suas respectivas chaves. Todas avançam para as quartas-de-final, quando ocorre o cruzamento olímpico. Os semifinalistas, além de seguir na luta pelo título, se garantem na FIBA Womens World Cup U19 2023.

Os grupos da fase inicial são esses:

Grupo A: Canadá, Argentina, Brasil e México
Grupo B: Estados Unidos, El Salvador, Porto Rico e Colômbia

Foto: Divulgação/CBB

 

Seleção Brasileira

Armadoras: Ana Paula de Oliveira Dias (AD Santo André) e Vitória Romulado Kons BF/Blumenau)

Alas/Armadoras: Stephany Gonçalves (AD Santo André) e Paula Bernardo Carvalho (Mampituba/Criciúma)

Alas/Pivôs: Taissa Queiroz (ADC Bradesco), Alexia Dagba (Associação Adrianinha de Basketball), Ana Beatriz Passos (ADC Bradesco), Diully Silva (Sesi Araraquara) e Manuella Aquino (Nosso Clube/Pernambuco)

Pivôs: Arianny Francisco de Oliveira (ADC Bradesco), Letycia Miranda Vasconcelos (Montverde Academy-EUA) e Manuella Alves (ADC Bradesco)

Comissão Técnica: Maria Paula Gonçalves (diretora do naipe feminino), Adriana Aparecida dos Santos Lopez (gerente do naipe feminino), Monica Atílio (administradora), Adriana Moisés Pinto Mafra (técnica), Luciana Thomazini e Alessandra Minati (assistentes técnicas), Rafael Bernardelli (preparador físico), Bianca Campos Marfori (médica) e Marina Stefani Souza da Silva (fisioterapeuta)