Troca de experiências, intercâmbio, informações técnicas e táticas foram alguns dos assuntos em pauta

Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

A Seleção Brasileira segue a sua preparação para o FIBA Womens AmeriCup U18 2022, que será jogada na Argentina, de 13 a 19 de junho. Mas, a preparação vai muito além dos trabalhos em quadra, na cidade de Araraquara (SP). Na segunda-feira (06 de junho), a comissão técnica do selecionado adulto se reuniu virtualmente com a equipe multidisciplinar que comanda a seleção sub-18 para o torneio continental. A reunião teve a presença da vice-presidente e diretora do naipe feminino da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), Maria Paula Gonçalves da Silva, a Magic Paula.

Pela Seleção Adulta Feminina estiveram: o técnico José Neto, os auxiliares-técnicos Virgil Lopez e João Camargo Neto, o preparador físico Diego Falcão e a gerente de seleções, Adriana Santos. Pela equipe sub-18 participaram: a administradora Monica Atílio, a técnica Adrianinha Moisés, as auxiliares Alê Minati e Luciana Thomazini, além dos demais integrantes da comissão técnica.

Na pauta, a troca de experiências, intercâmbio, informações técnicas e táticas para que todos ‘estejam na mesma página’ quando o assunto é a busca pela vaga na FIBA Womens World Cup U19 2023 e o futuro aproveitamento dessas atletas pela seleção principal.

O Brasil viaja para o local da competição no dia 11 de junho (sábado).

Pela forma de disputa da competição continental, na fase inicial as seleções foram divididas em dois grupos, com quatro integrantes em cada um deles. Estas nações jogam entre si, em turno único e dentro de suas respectivas chaves. Todas avançam para as quartas-de-final, quando ocorre o cruzamento olímpico. Os semifinalistas, além de seguir na luta pelo título, se garantem na FIBA Womens World Cup U19 2023.

Os grupos da fase inicial são esses:

Grupo A: Canadá, Argentina, Brasil e México
Grupo B: Estados Unidos, El Salvador, Porto Rico e Colômbia