Seleção Brasileira se qualifica para jogar AmeriCup pelo ranking

Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

O Brasil está classificado para a AmeriCup Feminina, que será disputada entre os dias 11 e 19 de junho, em Porto Rico. A Seleção Brasileira, contudo, não disputará o Sul-americano. A Confederação Sul-americana de Basketball (Consubasquet) confirmou a realização o torneio da América do Sul entre os dias 10 e 16 de maio, em Cáli, na Colômbia, mas por questões sanitárias ligadas à pandemia da Covid-19, o selecionado nacional está proibido de ingressar na Colômbia.

Em comunicado divulgado na terça-feira (13 de abril), a Consubasquet informou à FIBA Américas que: “apesar dos esforços da Federação anfitriã, a afiliada Confederação Brasileira de Basketball se classificará diretamente para a AmeriCup pelo ranking, tendo em conta a impossibilidade de seu ingresso à Colômbia por motivos inerentes à Covid-19”.

“Estávamos prontos para jogar o Sul-americano. Queríamos buscar nossa classificação dentro de quadra. Com planejamento pronto da comissão técnica e de todo o departamento. E com todos os rígidos protocolos da FIBA para a pandemia da Covid-19. Mas, temos que respeitar a posição da Colômbia e pelo ranking, por liderarmos e por esportivamente não termos qualquer medida a tomar, vamos à AmeriCup diretamente e tenho certeza que faremos bonito em Porto Rico”, disse o presidente da CBB, Guy Peixoto Jr.

O Brasil lidera o ranking Sul-americano de Seleções. O Campeonato Sul-americano distribui quatro vagas para a próxima AmeriCup, que terá dez países. Com a classificação imediata do Brasil, restam agora três vagas em jogo. A AmeriCup também já conta com Porto Rico, Ilhas Virgens, República Dominicana, El Salvador, Canadá, Estados Unidos e agora o Brasil.

A competição, que será jogada no Coliseo Roberto Clemente, em San Juan, Porto Rico, é o primeiro passo da jornada de classificação das seleções femininas para a Copa do Mundo de 2022, na Austrália.