Selecionado nacional cumpriu objetivo e fecha primeira ‘bolha’ com duas vitórias

Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

A Seleção Brasileira confirmou seu favoritismo e voltou a derrotar o Chile, neste sábado (27 de novembro), por 81 a 55 (35 a 28 no primeiro tempo), em jogo válido pela primeira ‘bolha’ da Eliminatórias para a Copa do Mundo – 2023, disputado no ginásio Obras Sanitárias, na capital Buenos Aires, na Argentina. Desta forma, objetivo foi cumprido pela equipe comandada pelo técnico Gustavo De Conti, que fez a sua estreia no comando do selecionado nacional nestes compromissos.

Apenas o quarto inicial foi equilibrado. Nos demais, o Brasil conseguiu impor seu melhor ritmo e foi aumentado a diferença a casa período para vencer e confirmar seu favoritismo – 18 a 17 (primeiro quarto), 17 a 11 (segundo quarto), 23 a 15 (terceiro quarto) e 23 a 12 (quarto final).

Os atletas mais efetivos foram Lucas Mariano (17 pontos, 04 rebotes e 04 assistências) e Tim Soares (16 pontos e 06 rebotes), pela equipe brasileira; Manuel Suarez (17 pontos e 08 rebotes) e Sebastian Suarez (17 pontos e 08 rebotes), em favor da agremiação chilena.

 

Foto: FIBA

 

Com a conclusão da primeira bolha, classificação de momento do Grupo B é essa: 1º) Brasil e Uruguai (04 pontos – 02 vitórias) e 3º) Colômbia e Chile (02 pontos – 02 derrotas).

A Seleção Brasileira volta à quadra para enfrentar o Uruguai, como mandante, no dia 28 de fevereiro de 2022 (segunda-feira).